Os benefícios da corrida quando se tem doença de Crohn e colite ulcerativa são muitos.


Como falamos anteriormente a prática regular de uma atividade física é essencial para manter a doença na remissão. O melhor é descobrir uma atividade que o trará prazer e você se sentirá com vontade de praticá-la sempre. Leia o artigo sobre atividade física e DII.

Por isso vamos falar hoje da corrida, que é uma ótima pedida pois:


Correr é um ótimo remédio para doença de Crohn e Colite ulcerativa1 – Qualquer lugar é lugar – seja na esteira, na academia ou na sua casa. Lugar para correr é que não falta. Conheça a sua cidade correndo. Trace novas rotas. Conheça o calendário de corridas de rua no Brasil e em Portugal e participe! 

2 – Sinta-se bem consigo mesmo – como qualquer atividade física a corrida fará com que seu cérebro libere mais serotonina fazendo com que você se sinta mais feliz. A serotonina é um neurotransmissor  (faz a comunicação entre as células cerebrais) que atua regulando o humor, o sono, o apetite, o ritmo cardíaco, a temperatura corporal, a sensibilidade a dor, os movimentos e as funções intelectuais.

3 – Conheça novas pessoas – contate o grupo de corrida da sua cidade e participe das corridas de rua. Marque para treinar em grupo. Você terá ótimas conversas e com certeza encontrará pessoas super bacanas que estão no mesmo ritmo que você.

4 – Viva mais e melhor – quem não quer viver mais e com saúde? Estudos mostram que corredores vivem mais do que as pessoas sedentárias. E não adianta viver mais sem saúde  não é mesmo? A corrida pode lhe trazer ambos: vida longa e qualidade de vida.

5 – É o melhor e mais barato tratamento facial que existe! – acredite ou não mas a corrida melhorará a pele do seu rosto. Tendo uma transpiração regular, os poros da pele se abrirão e a sujeira que os bloqueiam sairá, dando um ar de revitalização. Além disso a oleosidade natural da pele dará um vigor à textura da mesma. Ah! Mulheres (ou homens), não se esqueçam de retirar toda a maquiagem antes de correr e após a corrida lave gentilmente o rosto.

6 – Fortaleça seus ossos – como já sabemos portadores de DII podem vir a ter osteoporose. Leia o artigo sobre cálcio e vitamina D. Corrida, por ser um esporte de impacto, ajuda a fortalezer os músculos e pesquisas sugerem que também ajuda a ter ossos mais fortes. Como por exemplo o publicado pelo MU College of Human Environmental Sciences da Universidade de Missouri, EUA mostra que o treino de resistência e de impacto, como a corrida por exemplo, aumenta a densidade óssea.  

7 – Durma melhor – sabemos que quem sofre com DII pode ter problemas na hora de dormir. Nada melhor que uma corridinha para nos fazer dormir como anjos e melhorar a qualidade do sono. Estudos mostram que ter uma atividade física regular ajuda a dormir melhor e ter um sono de maior qualidade.

8 – Coloque o estresse no banco de espera – Portadores de DII tem o estresse como um dos fatores determinantes que fará com que a doença mantenha-se em remissão ou entra na fase ativa. Ao correr o estresse correrá de você! Além de elevar a liberação de serotonina como falamos na razão # 2 o exercício, de acordo com a Society of Neuroscience of Chicago (Sociedade de Neurociência de Chicago), tem o poder de diminuir a ansiedade.

9 -  Mostre que você ama seu coração – pesquisas mostram que correr por pelo menos uma hora por semana diminui o risco de cardiopatias pela metade quando se comparado com quem não pratica nenhuma atividade física. Esperando o que para começar e deixar o seu coração em ponto de bala para amar alguém ou você mesmo?

10 – Aumente sua energia e vigor! – correr frequentemente não só o deixará mais feliz mas aumentará seu vigor e energia fazendo com que você goste cada vez mais da corrida. E convenhamos vigor e energia não é bom somente na corrida... não é mesmo?


Lembre-se sempre de consultar um educador físico e seu médico antes de começar a fazer exercícios físicos.

Eu estou pronto para começar a correr o que devo fazer?



Já consultou seu médico e seu educador físico e está pronto para começar então vamos lá.

Se você já caminha, mas nunca correu antes, você pode se sentir um pouco intimidado para chegar lá e começar a correr. Por isso vamos passar aqui um plano de oito semanas que o ajudará você a começar.

Não comece correndo direto. Faça intervalos entre caminhada e corrida. No começo é bom correr 1 minuto e andar 6 por exemplo e ir aumentando até ao ponto que você conseguirá correr todo o percurso.

Plano de oito semanas para corredores iniciantes:


Obter um tênis certo para o seu tipo de pé é fundamental para o conforto e prevenção de lesões. Visite uma loja especializada em corrida ou consulte um educador físico para obter conselhos sobre a compra de tênis corretos e algumas técnicas de corrida.

Antes de começar o treino, certifique-se de aquecer adequadamente seja andando por cinco a 10 minutos ou fazendo alongamentos. Você deve sempre terminar o treino com um 'desaquecimento', ou seja, diminuindo o ritmo devagar. Não vá direto para o chuveiro logo após o treino, espere pelo menos uns 20 minutos para que seu corpo esfrie um pouco e você não saia transpirando do chuveiro como se não tivesse tomado banho.

Semana um:
Caminhe por seis minutos, e corra em um ritmo fácil por um minuto. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana. Ritmo fácil significa um ritmo que você consegue manter uma conversação, ou seja, não ficar ofegante.

Semana dois:
Caminhe por cinco minutos, em seguida, corra por dois minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana três:
Caminhe por quatro minutos, em seguida, corra por três minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana quatro:
Caminhe por três minutos, em seguida, corra por quatro minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana cinco:
Caminhe por dois minutos, em seguida, corra por cinco minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana seis:
Caminhe por um  minuto, em seguida, corra por seis minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana sete:
Caminhe por um minuto, em seguida, corra por oito minutos. Repita três vezes. Faça três sessões com a mesma sequência em uma semana.

Semana oito:
Parabéns indo para a oitava semana! Nessa semana no primeiro dia caminhe por 5 minutos, corra 20 minutos, e caminha os outrs 5 minutos completando assim 30 minutos. No segundo dia caminhe 3 minutos no começo e nom final, correndo 24 minutos e no terceiro dia da semana tente correr por 30 minutos.


Comece a correr 5km Express curso

Lembre-se! Siga o seu próprio passo! Não se preocupe com distâncias agora. Acostume-se com sua nova atividade física e divirta-se!

Correr faz bem para quem tem doença de Crohn e colite ulcerativaDicas:

Use a sua respiração como seu guia durante a corrida. Você deve ser capaz de manter uma conversa durante o exercício e não ficar sem ar. A respiração correta o ajudará a correr melhor e evitar efeitos colaterais de um exercício mal feito. Inspire pelo nariz e solte pela boca
Beba água no final de seus treinos para se reidratar. Você pode beber durante a corrida também se assim necessitar. 


Para mais dicas e outros planos de corrida leia o artigo benefícios da corrida

4 comentários:

  1. Eu sou um exemplo de que atividade física e Crohn pode andar juntos. Faço corrida diariamente, 50 min e quase 5km, antes da doença já praticava e depois só veio contribuir. Vale a pena tentar!!! Bom para o corpo, mente e coração!!!

    ReplyDelete
  2. Olá Jonas.
    Excelente seu artigo. Sou exemplo de que a atividade física salva vidas (no caso, a minha). Cerca de 1 ano atrás estava a passos largos a caminho de um infarte. Pressão alta, crises de labirintite. Bancário, sedentário e estressado. Verdadeira bomba relógio. O inicio foi bem dificil, mas hoje não troco minhas corridinhas de 5km diários por nada nesse mundo. Em 10 meses perdi 27kg e ganhei minha vida de volta.
    Grande abraço.

    ReplyDelete
  3. Olá pessoal ,sinto uma vontade enorme de começar a correr porém quando começo sinto vontade de ir ao banheiro , como todo esforço que faço também me dá essa vontade. Oque fazer nesse caso?

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá Ricardo,

      Estamos assumindo que você sempre tenta correr depois de já ter ido ao banheiro.
      Você já tentou mudar os horários das tentativas para ver se há diferença?
      Outra possibilidade é começar aos poucos para se acostumar com a sensação (que pode ser só sensação mesmo). Comece caminhando 20 minutos e dentro desses 20 minutos corra uns 2 sendo 1 e 1 intercalados e vá aumentando até essa sensação sumir ou você acostumar com ela.
      Veja se você não sente nenhuma dor ao correr também.

      Beba bastante água durante o dia, e pela manhã tome um copo de água antes de tomar o café da manhã.

      Esperamos que isso ajude. Tente e nos fale se funcionou para você.

      Obrigado

      Delete

Muito obrigado pelo seu comentário e/ou pergunta. Responderemos o mais rapidamente possível.

Isenção de responsabilidade

Usando esse blog você o estará fazendo por conta e risco próprios. Não é a pretensão desse blog diagnosticar, medicar, sugerir tratamentos ou induzir mudanças no seu atual tratamento médico. Objetivamos única e exclusivamente informar a respeito das doenças inflamatórias intestinais. Caso você apresente algum sintoma procure um profissional médico. Não descontinue o uso de nenhum medicamento sem antes consultar o seu médico.

Powered by Blogger.