Os 10 principais alimentos que causam constipação intestinal


Quando falamos em sintoma de doença inflamatória intestinal normalmente pensamos em diarreia, mas, na verdade, muitos pacientes sofrem de constipação intestinal (intestino preso). Nossa intenção com esse texto de hoje é mostrar os alimentos que podem causar a constipação para que você os evite pelo menos enquanto estiver com intestino preso. Gostaríamos de frisar também que se você estiver com diarreia não é aconselhável fazer uso desses alimentos em grande quantidade, pois não será isso que vai “prender” seu intestino e ainda pode te fazer mal.

No caso dos pacientes com doença inflamatória intestinal ainda há um outro quesito: as vezes não é exatamente constipação intestinal, isto é, se o paciente tem estenose (estreitamento do intestino) há dificuldade de as fezes passarem por ali e, por isso, é difícil a eliminação das fezes. Algumas vezes durante o texto vamos comentar que um alimento tem pouca quantidade de fibra, mas queremos lembrar que isso não e problema para quem tem estenose, aliás, para esses pacientes a quantidade de fibras deve ser reduzida mesmo.

Só de antemão gostaríamos de avisar que o último item da lista não é um alimento, mas é um dos principais causadores da constipação intestinal e, por isso, entrou na lista. E, por incrível que pareça, um dos motivos principais de ter intestino preso é falta de beber água!!! A falta de água suficiente causa o endurecimento das fezes, que fica difícil de ir passando pelo intestino.  Portanto, vamos todos beber bastante água!

ASSINE NOSSO BOLETIM INFORMATIVO
Coloque o seu email:

Você receberá um email, confirme-o para que você possa receber nossas novidades.

10. Carne vermelha

A carne vermelha, tanto de vaca ou de porco, é muito consumida. é querido e consumida por muitos por causa de seu sabor. Além do mais, muitas pessoas comem carne para garantir um bom aporte de proteínas, mas a verdade é que a carne cozida perde muita proteína. E, como já vimos num post anterior sobre carne vermelha, a digestão dela é difícil. Apenas a digestão parcial pode levar até 90 horas. Agora você já sabe que deve evitar o excesso dela.

Para saber mais sobre carne vermelha x doenças inflamatórias intestinais clique aqui.

9. Produtos que contêm açúcar

Todos os produtos que contêm açúcar, como bolos, biscoitos, tortas etc, e outras fontes de carboidratos refinados são muito pobres em proteínas, fibras e líquidos, mas são muito ricos em gordura e açúcar. O consumo excessivo de produtos com grande quantidade de açúcar pode desenvolver um risco de constipação crônica e também podem alterar a flora bacteriana. 

Leia: 10 razões para evitar o açúcar refinado

8. Leite e derivados

Para nós, pacientes com doença inflamatória intestinal, leite e derivados podem ser um problema principalmente por causa da lactose, já que muito de nós temos intolerância a ela. Além disso, produtos lácteos, como leite, queijo, manteiga e iogurte são pobres em fibra e podem ser ricos em gordura. Para aqueles que não têm intolerância a lactose, o consumo de leite e derivados em longo prazo pode causar constipação intestinal. E, para quem tem intolerância, os sintomas são os mais variados, desde distensão abdominal (barriga inchada) até diarreia.

Leia mais sobre intolerância a lactose clicando aqui e aqui.



7. Batata frita

Sim, batatas fritas causam constipação intestinal. Mas esse não é o único problema. Batatas fritas são baixos em fibra e riquíssima em gordura. Comer batatas fritas também pode levar a uma sensação de “empanzinamento” ou “empachamento”, que é quando você se sente muito cheio. Isso faz com que a digestão seja mais lenta.  Lembrando que a batata não é o problema, o problema é a fritura. Ah, você já experimentou batata ralada (crua mesmo) numa salada? Fica uma delícia! (Para quem tem estenose é importante cozinhar a batata).

6. Banana

Comer bananas pode causar constipação intestinal ou pode curá-la. Oi? Como assim? Bom, isso depende de quão madura está a banana. Bananas verdes que ainda não estão completamente maduras têm grande quantidade de amido e isso pode causar constipação. Por outro lado, bananas maduras contêm fibras solúveis que têm uma tendência para estimular os nossos movimentos intestinais, o peristaltismo. Isso, aliado a uma quantidade adequada de água, pode melhorar a constipação intestinal.

5. Alimentos processados

Alimentos processados são uma ameaça à saúde. A imensa maioria deles é muito pobre em nutrientes saudáveis (proteínas, vitaminas e minerais, principalmente) e riquíssimos em sal e gordura, além de conservantes que nos faz muito mal. Sendo assim, a constipação intestinal é só um dos seus malefícios.

Alimentos processados ​​são todos aqueles “pré-prontos” e também fast foods, pizzas, salgadinhos de milho, alimentos congelados etc. Fuja deles e prefira os mais alimentos frescos e não processados ​​que tem todos os nutrientes e fibras intactas nele. Frutas e vegetais frescos devem ser preferidos sobre alimentos processados, enlatados ou congelados.

4. Cafeína

A cafeína, associada ao mau hábito de baixo consumo de água, e diurética e, seu consumo excessivo pode levar à desidratação, que é a principal causa da constipação intestinal, além de outros distúrbios. Já falamos sobre a cafeína e sua relação com a doença inflamatória intestinal. Clique aqui aqui para reler esse texto.




3. Trigo

O trigo é o terceiro cereal mais produzido e a segunda cultura alimentar humana depois do arroz. Trigo tem fibras e naturalmente contém grande quantidade de peptídeos opióides que podem ser 100 vezes mais poderoso do que as moléculas de morfina. Esses opióides podem causar redução dos movimentos intestinais (peristaltismo), o que resulta em obstipação.

O maior problema é que nós consumimos trigo em um monte de alimentos como pães, massas, pizzas, bolos, biscoitos etc. Além do mais, normalmente esses alimentos são consumidos com outros alimentos proteicos e, sob a influência do calor, podem alterar-se quimicamente e torna-se muito difícil para o nosso corpo a decompô-los sob a ação de enzimas.

2. Arroz

O arroz é outro grão de cereal e é o alimento básico mais consumido no mundo. O arroz pode ser rico em fibra, dependendo da camada exterior do grão, mas as fibras não digeríveis reduzem o movimento do intestino causando a constipação. Utilizando o arroz integral ou arroz selvagem tem fibras solúveis e não causam constipação como o arroz branco (lembre-se de consumir água adequadamente, senão vai fazer efeito contrário) e também é bom para sua saúde geral. Mas, como estamos insistindo ao longo do texto, pessoas com estenose não devem consumir esses alimentos ricos em fibra e, para elas, o arroz branco é melhor.

1. Medicamentos


Como dissemos acima, esse tópico não se refere a alimento mas devido à sua importância na constipação intestinal, vamos citá-lo. Os medicamentos são prescritos para melhorar a sua saúde, mas também pode mexer com seu trato digestivo e causar constipação. Os suplementos de ferro, analgésicos, antiácidos e antidepressivos que contêm codeína e oxicodona pode ser um grande motivo de constipação intestinal. Alguns outros medicamentos que são tomadas para o tratamento da pressão alta, colesterol alto e problemas cardiovasculares também pode originar problemas intestinais. Ao todo, são mais de 150 medicamentos que são conhecidos por causar prisão de ventre e deve-se sempre conversar com seu médico ou farmacêutico para verificar se há efeitos colaterais. 

Leia: O uso de anti-inflamatórios quando se tem DII


0 comentários:

Post a Comment

Muito obrigado pelo seu comentário e/ou pergunta. Responderemos o mais rapidamente possível.

Isenção de responsabilidade

Usando esse blog você o estará fazendo por conta e risco próprios. Não é a pretensão desse blog diagnosticar, medicar, sugerir tratamentos ou induzir mudanças no seu atual tratamento médico. Objetivamos única e exclusivamente informar a respeito das doenças inflamatórias intestinais. Caso você apresente algum sintoma procure um profissional médico. Não descontinue o uso de nenhum medicamento sem antes consultar o seu médico.

Powered by Blogger.